COM 40 ANOS DE HISTÓRIA, CONSÓRCIO UNIÃO VENCE DESAFIOS DA ECONOMIA BRASILEIRA E CONTEMPLA MAIS DE 100 MIL CLIENTES

Julho de 2017 – Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), seis em cada dez empresas não sobrevivem após cinco anos de atividade. Além dos desafios diários, os empresários precisam vencer as grandes dificuldades e oscilações da economia e da política no país. Mas um bom exemplo de sucesso no mercado é o Consórcio União, empresa associada à BR Consórcios, que completa 40 anos de história, neste mês de julho, com mais de 100 mil clientes contemplados na modalidade de consórcios de automóveis, motos, caminhões, serviços e imóveis (esse último a partir de 1997). Com sede em Londrina (PR), mas presente em todo o Brasil, mais de 60% das contemplações do Consórcio União foram de automóveis.

O Consórcio União possui 30 mil clientes ativos que adquiriram consórcios de automóveis, motos, imóveis e serviços, que incluem festas, tratamentos estéticos, cirurgias plásticas, reformas. “Durante esses anos enfrentamos graves crises econômicas e políticas, inflação e impeachments, diversas mudanças na moeda e também do governo militar para a democracia, mas conseguimos permanecer no mercado, demostrando confiança e crescimento”, afirma Rodolfo Montosa, diretor geral do Consórcio União.

Segundo levantamento da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac), as vendas de novas cotas de consórcios cresceram 7,8% nos primeiros cinco meses deste ano, na comparação com igual período de 2016, conforme divulgação realizada no dia 10 de julho. Foram vendidas 912,5 mil unidades de janeiro a maio de 2017, enquanto no ano passado foram 846,3 mil. O volume de negócios atingiu R$ 36,3 bilhões, que representa um acréscimo de 24,7% em relação aos R$ 29,1 bilhões negociados no ano anterior.

Vendas no primeiro semestre de 2017
- Rodolfo Montosa destaca que no primeiro semestre deste ano o Consórcio União teve um aumento de 15% nas vendas gerais na comparação com o mesmo período de 2016. As vendas no primeiro semestre de 2016 chegaram a R$ 165 milhões, e no mesmo período de 2017 elas totalizaram R$ 190 milhões.

De janeiro a junho de 2017 foram concedidos R$ 85 milhões em créditos para a compra de automóveis, R$ 88 milhões para imóveis e R$ 16 milhões para motocicletas e caminhões. A quantidade de cotas vendidas, ou seja, pessoas que compraram consórcios foi de 2.914 cotas de automóveis, 1.438 para motos, 666 de imóveis e 141 em serviços. O valor do ticket médio neste período foi de R$ 30 mil para automóvel, R$ 132 mil para imóvel, R$ 11 mil para motos e R$ 9 mil para serviços.

A venda de consórcios tem aumentado de forma significativa, pois o brasileiro encontrou nessa modalidade uma forma de construir seu patrimônio. Ao mesmo tempo, ele não tem uma cultura de poupar todos os meses e o consórcio vem se tornando uma opção segura para garantir um plano de vida mais organizado.

Rodolfo Montosa explica que o custo final do consórcio é muito menor que qualquer tipo de financiamento, já que não são cobrados juros . “O consórcio tem levado pessoas que têm dificuldades em poupar dinheiro a se motivarem e disciplinarem a uma ’poupança programada’ para aquisição de bens e a compra à vista”, explica o diretor.


O Consórcio União surgiu em 1977 com a iniciativa de várias empresas. Naquele ano, os sócios-fundadores tiveram o objetivo original de atender clientes da Marajó Automóveis na compra planejada de veículos. Mas, logo nas primeiras semanas de vida, diversas outras revendas Fiat na região do Norte do Paraná e interior de São Paulo acrescentaram seus clientes aos primeiros grupos que se formavam. Por isso, o nome mudou para Consórcio União. Ali já estava se formando o DNA de uma empresa que nascia para consorciar não somente clientes, mas empresas.

Hoje, o Consórcio União tem como marca registrada os seus serviços de apoio ao cliente e já entregou mais de 100 mil bens até os dias de hoje. Além de manter suas equipes próprias de vendas, em 2016 o Consórcio União firmou 64 novas parcerias com convênios para vendas de cotas de consórcios com empresas dos mais diversos setores, entre elas revendedores de automóveis, concessionárias de motocicletas, corretoras de seguros, imobiliárias e empresas especializadas na venda de consórcios. Além disso, em sociedade com a Rodobens Consórcios, o Consórcio União fundou a BR Consórcios que, desde 2.012, administra diversas marcas de consórcios no Brasil. Tudo a partir do chassis original do Consórcio União.

SOBRE A BR CONSÓRCIOS (www.brconsorcios.com.br)
A empresa iniciou suas operações em 2012 com o objetivo de unir e fortalecer operadoras de consórcios nacionais que desejam expandir sua atuação. Seu modelo de negócio agrega administradoras diversas dentro de uma mesma plataforma, sendo pioneiro no Brasil. Tem sua sede administrativa em Londrina (PR) e conta com cerca de 500 funcionários diretos. As empresas associadas à BR Consórcios são: Consórcio União, Consórcio Araucária, Consórcio Santa Emília, Consórcio Fernandez Mera, Consórcio Saga, Consórcio Lyscar e Rede Lojacorr Consórcios. As empresas possuem, juntas, uma carteira de mais de 70 mil clientes ativos. Nos últimos anos, a BR Consórcios projeta a ampliação dos seus canais de distribuição com a adesão de novos associados e parcerias. Para alcançar essa meta, além de manter suas equipes próprias de vendas, em 2016, firmou novas parcerias para vendas de cotas de consórcios com empresas dos mais diversos setores, entre elas revendedores de automóveis, concessionários de motocicletas, corretoras de seguros, imobiliárias e empresas especializadas na venda de consórcios. (Texto desenvolvido por Anna Karina Spedanieri)


Postagens mais visitadas deste blog

FINANÇAS PESSOAIS: CINCO SINAIS QUE VOCÊ DEVE EVITAR EM 2020

DEMANDA POR SMARTLOCKERS CRESCE 30% NA LOGÍSTICA DO E-COMMERCE

Coronavírus: como as decisões dos governos afetam nosso bolso?