Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Profissionais da TI necessitam de novos conhecimentos gerenciais

ABRIL/2011 – O setor da Tecnologia da Informação é um dos mais promissores no Brasil. Segundo, a Associação Brasileira de Empresas de Software, até 2013, devem faltar no País de 140 a 200 mil profissionais qualificados que possam atuar na área. Por outro lado, os profissionais que já possuem uma colocação devido aos seus conhecimentos técnicos qualificados, não possuem experiência e conhecimentos gerenciais, comenta o professor Fernando José Barbin Laurindo, coordenador do Curso de Capacitação em Gestão da Tecnologia da Informação, na Fundação Vanzolini.

Com base na experiência de ensino da Fundação Vanzolini na área da TI, o professor Fernando Laurindo explica que existe uma lacuna no mercado devido às necessidades das empresas que demandam cada vez mais uma gestão integrada dos recursos de TI, que podem ser tanto internos como externos, para a obtenção e a manutenção do sucesso em prol da competitividade da empresa. “Isso significa que temos uma realidade cada vez mais competitiva e…

Inteligência Competitiva é cada vez mais aplicado

ABRIL/2011 - Entender os aspectos de desempenho interno e do mercado é um grande desafio das empresas para a definição de novas diretrizes visando o sucesso dos negócios. Esse processo requer conhecimento, integração e aplicação de diversos fatores que definem a Inteligência Competitiva de uma organização, conceito cada vez mais usado por empresas atuantes nos ramos varejista, financeiro, bancário e de seguros. O professor Fernando José Barbin Laurindo, coordenador do Curso de Capacitação em Gerência da Inteligência Competitiva na Fundação Vanzolini, explica que muitas empresas já estão neste processo e a tendência é que novos setores também sigam para esse caminho, cenário que exigirá aperfeiçoamento de profissionais que sejam capazes futuramente de disseminar os conceitos da Inteligência Competitiva, conceito responsável pela união de diversos fatores, como Estratégia Competitiva, Alinhamento Estratégico da Tecnologia da Informação, Gestão do Conhecimento, Técnicas Quantitativas de…

Fundação Vanzolini oferece palestra gratuita sobre Sustentabilidade

ABRIL/2011 - A Fundação Vanzolini, instituição com atuação na área educacional, apresenta no próximo dia 26/04, terça-feira, a partir das 19h30, a palestra “Sustentabilidade - entendendo qual é o nosso desafio e como ele irá redesenhar o ambiente corporativo”. O encontro é voltado para gestores que estão em busca de uma visão mais ampla do tema e que precisam entender como ele está relacionado ao negócio e seus impactos. As inscrições podem ser realizadas no site www.vanzolini.org.br.

Com uma abordagem inovadora a palestra será dividida em quatro módulos: Conceitos de Sustentabilidade, Desafios da Sociedade, Mudanças no Ambiente Corporativo e Como Serão as Empresas Vencedoras deste Novo Ambiente de Negócios. O local da palestra é no Centro de Treinamento da Fundação Vanzolini, localizado à Avenida Paulista, 967 – 5º andar. (Texto desenvolvido pela jornalista Anna Karina Spedanieri 14.04.2011, às 10h52).

Escolas de Vitória apresentam conceitos de educação financeira para pais e alunos

ABRIL /2011 - De 12 a 14 de abril, a partir das 18h30, Silvia Alambert, educadora financeira e detentora da metodologia de ensino The Money Camp, voltada para jovens e crianças, ministrará a palestra “Quem ama também educa financeiramente” para pais e alunos. As apresentações ocorrerão nos colégios Nacional, Americano Batista e Monteiro Lobato, ambos localizados em Vitória. Segundo Silvia Alambert, essa iniciativa firmada com as escolas tem como objetivo mostrar aos pais que a educação financeira faz parte do processo educacional e que os ensinamentos ajudam as crianças e jovens em relação às escolhas financeiras futuras de forma consciente e equilibrada. Durante o período, cerca de 2 mil pessoas devem participar dos encontros. Mais informações acesse www.themoneycamp.com.br (Texto desenvolvido por Anna Karina Spedanieri)

Fundação Vanzolini registra aumento de 86% nas inscrições dos cursos de capacitação, em 2010

Para atender a demanda, a instituição criou seis novos cursos com enfoque nas áreas da indústria automobilística, sustentabilidade ambiental, tecnologia da informação e negócios

ABRIL /2011 – A Fundação Vanzolini registrou aumento de 86% em relação às matrículas realizadas para os seus cursos de capacitação no ano de 2010 na comparação com o ano anterior.ios

Segundo o diretor de Educação da Fundação Vanzolini, prof. Renato de Oliveira Moraes, devido ao crescimento da economia interna, muitas empresas promoveram seus funcionários para funções gerenciais. “Profissionais que desenvolviam tarefas técnicas no dia-a-dia e que passaram a assumir funções gerenciais detectaram que precisavam aperfeiçoar rapidamente seus conhecimentos”, relata Moraes.

Novamente a questão da capacitação de mão-de-obra no Brasil vem à tona. Para Moraes, “ os profissionais assumem cargos mais elevados e pouco tempo depois percebem que é necessário adquirir conhecimentos de forma rápida. O aluno, ao ingressar em…

André Massaro, especialista em finanças da MoneyFit, fala sobre os cuidados necessários para investir no mercado interno e no exterior

ABRIL/2011 - Segundo pesquisa de Sentimento dos Investidores Globais, realizada pela Franklin Templeton e divulgada nos últimos dias, 70% dos brasileiros querem investir no exterior. Para André Massaro, especialista em finanças da MoneyFit, empresa especializada em projetos de educação financeira, esse novo cenário retrata que a economia brasileira está se inserindo no mercado mundial. “O fato de muitos brasileiros estarem interessados em investir no exterior, em outras épocas, seria um claro sinal de desconfiança. Mas considerando o cenário atual, isso me parece mais um sinal de amadurecimento do investidor do que de insegurança”, destaca Massaro.


Andre Massaro explica que o mercado externo tem várias opções de investimentos. “A maioria dos brasileiros que busca investir no exterior acaba optando por fundos de investimentos. Muitos deles são até mesmo administrados por instituições brasileiras. Alguns brasileiros já deram o ‘passo além’ e abriram uma conta em uma corretora ou outra in…